Português Italian English Spanish

No Coração do Brasil, Água Boa celebra hoje 44 anos de fundação

No Coração do Brasil, Água Boa celebra hoje 44 anos de fundação

09/07/2019

Privilegiada pela localização geográfica, no centro do país; no centro, não: no Coração do Brasil – é assim que sua população diz. Assim é Água Boa, no Vale do Araguaia, cidade  que nesse 9 de julho comemora 44 anos de fundação pelo pastor luterano, colonizador e político Norberto Schwantes.

O aniversário é comemorado nesta terça-feira, 9,  primeiro dia útil após a realização de sua feira agropecuária, a Expovale. A trajetória de Água Boa é curta. Começou cinco anos antes da fundação, com o produtor rural  Paulo Jacob Thomaz, o Paulo Alemão, cultivando arroz de sequeiro. Seu nome nasceu da sabedoria popular: um hotel com restaurante e posto de combustível de propriedade de um homem chamado Manoel, à margem da então embrionária BR-158, tornou-se referência para identificar o lugar. Quem passava por ali, o chamava de Mané da Água Boa ou Água Boa do Mané. Pronto. Virou Água Boa.

 


Água Boa pertencia a Barra do Garças. Sua emancipação aconteceu em 26 de dezembro de 1979, por uma lei sancionada pelo governador Frederico Campos. Sua curta trajetória foi de muito aprendizado e conquistas. A pequena cidade, plana, com problema de drenagem e de escoamento das águas de chuva, permaneceu alguns anos estagnada e, pior, no começo dos anos 2000, uma grande erosão ameaçava dividi-la ao meio. Enquanto isso, sua pecuária – principal esteio econômico do município, crescia. Paralelamente a agricultura avançava pelo cerrado tendo à frente uma chinesinha que se chama Glycine max, mas que atende pelo apelido de soja.

A beleza urbanística


O boom na zona rural é vísivel, palpável e a cidade correu atrás. A prefeitura solucionou o problema da erosão. Modernas construções pipocaram por todos os cantos. Polo de uma região que inclui seu ex-distrito Nova Nazaré, Cocalinho e Campinápolis, Água Boa ganhou um hospital regional, que merecidamente reverencia a memória do pioneiro Paulo Jacob Thomaz, o Paulo Alemão.

No mesmo período da criação do Hospital Regional Paulo Alemão, o governo estadual em parceria com a União, construiu um presídio de segurança máxima no município, a Penitenciária Major Zuzi Alves da Silva. Não faltaram vozes contrárias. Isso é natural. Dizem que toda unanimidade é burra. O certo é que em razão da população carcerária a atividade forense aumentou, a cidade ganhou mais advogados, o comércio local é contemplado com bom volume de venda de produtos para a alimentação dos que cumprem pena em Major Zuzi. Além disso, a Polícia Militar reforçou sua presença.


O Megaleilão presencial - O fortalecimento econômico no campo botou Água Boa no centro do noticiário econômico. O empresário Maurício Tonhá, presidente do grupo Estância Bahia, criou o Megaleilão, com números superlativos. Em uma edição mais de 40.900 bovinos foram vendidos à batida do martelo. Aquele era o maior leilão do mundo. O aprendizado mostrou que se os animais fossem retirados do thatersal e apresentados virtualmente seria ecologicamente mais correto e financeiramente então nem se discute. Pronto: aos poucos o boi entra na modernidade do leilão virtual.


Água Boa integra o reduzido núcleo de cidades mato-grossenses com aeroporto pavimentando e homologado para voo noturno. A cidade é interligada a Cuiabá e ao Centro-Sul pela malha rodoviária pavimentada – a BR-158 cruza sua área urbana.

A região de Água Boa será contemplada com a Ferrovia da Integração do Centro-Oeste (FICO),  prevista para ligar Rondônia e Mato Grosso aos trilhos da Ferrovia Norte-Sul, em Mara Rosa (GO). O começo da construção do trecho Água Boa-Mara Rosa, com 383 quilômetros está previsto para o próximo ano e sua conclusão deverá acontecer em 2024, segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

A rodovia 158, que liga Barra do Garças ao Pará e integra a malha rodoviária para alguns portos do Arco Norte no Pará e Maranhão, tem um trecho de 140 quilômetros sem pavimentação, na área indígena Marãiwatsédé, dos xavantes, ao norte de Alô Brasil (de Bom Jesus do Araguaia). O Ministério Público Federal quer o deslocamento desse trecho para fora das terras indígenas. Independentemente do desfecho dessa questão sobre trajeto, a 158 será totalmente pavimentada, o que significará uma alternativa a mais para a economia de Água Boa escoar produtos agropecuárias.

No âmbito da logística regional, a MT-240/326 será totalmente pavimentada. Essa estrada liga Água Boa a Cocalinho cruzando Nova Nazaré, e  tem um trecho sem asfalto, além de depender de balsa para travessia do rio das Mortes, Quando concluída, a 326 integrará o corredor Mato Grosso-Goiás via Cocalinho.

Também na esfera da logística regional, o governo pavimenta a MT-020, de Canarana a Paranatinga – num trajeto paralelo ao da BR-158/070. Essa rodovia se conecta com a MT-240 e cria alternativa para uma importante área agrícola em Água Boa.

XODÓ -Água Boa é um xodó de cidade. Sua malha urbana é totalmente pavimentada. Suas avenidas centrais são separadas por grandes canteiros. O padrão residencial é de alto nível. O ensino superior está presente. A movimentação financeira passa pelos caixas das agências da rede bancária. O município tem boa regularização fundiária e não enfrenta problemas endêmicos. O índice de criminalidade é baixo para os padrões mato-grossenses.

A área do município é de 7.510 km² e sua população é de 25.229 habitantes. A Comarca de Segunda Entrância de Água Boa tem jurisdição sobre Nova Nazaré e Cocalinho.  A 30ª Zona Eleitoral está instalada naquela cidade.

POLÍTICA – A mulher tem participação ativa na política em Água Boa.  A empresária Rejane Schneider Garcia (PSDB) é a vice-prefeita do município.
O único deputado estadual domiciliado em município do Vale do Araguaia é o anestesiologista José Eugênio de Paiva(PSB), que adota o nome parlamentar de Dr. Eugênio. Antes da Assembleia, Dr. Eugênio foi vereador por Água Boa.
A vice-prefeita Rejane Garcia
DEMANDA – Cidade numa região que se desenvolve, mas tem carências, Água Boa não conta com quartel do Corpo de Bombeiros Militar. A unidade mais próxima é a de Nova Xavantina, distante 80 quilômetros pela BR-158.

ÍNDIOS – A etnia Xavante tem áreas no Vale do Araguaia. Areões, com 218.515 hactares se localiza em Água Boa. A cidade tem representação da Funai. Aldeados e população urbana convivem harmonicamente, mas o índio enfrenta um problema social – o chamado choque cultural – que em muitos casos o arrasta ao alcoolismo; a Funai desconversa e não gosta desse tema, mas a verdade é que em Mato Grosso o álcool chegou às aldeias.

FUSO HORÁRIO – O Vale do Araguaia não acompanha a hora oficial de Mato Grosso. O horário naquela região é o de Brasília, que para moradores é a hora de Goiás.

AEROPORTO – O Aeroporto Municipal Carlos Frederico Müller  –  SWHP (ICAO) – tem as coordenadas geográficas:  Latitude – 14° 01′ 10″S – Longitude – 52° 09′ 08″ W. Sua pista pavimentada é de 1.627 metros, por 18 metros de largura. A altitude é de 459 metros. Opera noturno por aproximação. Dista 463 quilômetros de Cuiabá.

RODOVIAS – A distância de Água Boa a Cuiabá é de 730 quilômetros via Barra do Garças, Primavera do Leste e Chapada dos Guimarães. Goiânia fica a 660 quilômetros.

 

 

Eduardo Gomes – Boamidia

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS