Português Italian English Spanish

Mulher que ganhou liberdade por causa do filho pequeno é presa após 10 dias traficando

Mulher que ganhou liberdade por causa do filho pequeno é presa após 10 dias traficando


05/06/2019

A dona de uma boca de fumo que traficava entorpecentes em frente a sua filha de apenas 1 ano foi presa em flagrante junto a dois comparsas, em uma ação integrada da Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar, realizada na noite de sexta-feira (31.05), em Campinápolis. O trabalho em conjunto resultou na apreensão de drogas e dinheiro.

Contumaz no crime de tráfico de drogas, L.F.S. 26 anos, foi presa duas vezes nos últimos 60 dias, pela atuação no mercado ilícito. Ela teve a prisão preventiva convertida em domiciliar pela Justiça, de acordo com o disposto na Lei 13.769/18, que prevê essa possibilidade para que a presa possa cuidar de filho pequeno.

Além da suspeita, a sua comparsa K.A.S.S. 27 anos, e o rapaz L.V.C.A. 18 anos, também foram presos na ação, sendo todos autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Os policiais civis e militares monitoravam a residência da jovem L.F.S. no bairro Cristalino, por novos indícios do local funcionar como “boca de fumo”. Durante vigilância, foi percebida grande movimentação de pessoas diferentes no local, até o momento em que as equipes lograram êxito em abordar um indivíduo quando saía da casa.

Durante revista pessoal do suspeito, foi apreendida uma porção de pasta base, a qual ele informou ter acabado de comprar de L.F.S. pelo valor de R$ 50. Diante dos fatos, os policiais se aproximaram do endereço onde surpreenderam a dona da casa, L.F.S. na companhia dos outros dois suspeitos, em poder de diversas porções de drogas e a quantia de mais de R$ 600.

Conforme apurado, mesmo diante do benefício da prisão domiciliar, a jovem continuava praticando o tráfico na presença de sua filha de 1 ano, e de outro bebê, de apenas três meses, filho da segunda presa, K.A.S. As duas mulheres, associadas para o crime, além de comercializar as drogas, permitiam os usuários fizessem o consumo em frente às crianças.

Os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia, interrogados e autuados em flagrante. Posteriormente o rapaz L.V.C.A. foi levado para Penitenciária Major PM Zuzi Alves na cidade de Água Boa. As duas mulheres encaminhadas para Cadeia Pública de Nova Xavantina, ficando à disposição da Justiça;

 

 

Assessoria

ARAGUAIA NOTÍCIA / NX1

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS