Português Italian English Spanish

Médicos brigam antes de iniciar cirurgia e vão parar na delegacia

Médicos brigam antes de iniciar cirurgia e vão parar na delegacia


01/08/2022

Dois médicos brigaram durante o plantão no Hospital São Benedito, sob a gestão da Prefeitura de Cuiabá, na sexta-feira (29). Conforme o boletim de ocorrência, os profissionais da saúde chegaram à via de fatos e foram parar na Central de Flagrantes.

Com ânimos acirrados, a briga foi motivada, pós-discussão, por um centro cirúrgico. Os médicos ortopedistas têm 27 anos e 32 anos. O mais velho é o suspeito de agredir o mais novo, que sofreu lesão no abdômen e no joelho direito.

A briga se deu em meio à preparação para iniciar uma cirurgia. Segundo a Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP), que administra o hospital, o paciente não foi prejudicado, pois outro médico assumiu a cirurgia.

Os profissionais são médicos residentes e foram afastados das funções. Durante a briga, ocorreu troca de ofensas. O suspeito também teria intimidado o colega de trabalho.

Em nota, a ECSP disse que o caso será comunicado ao Conselho Regional de Medicina (CRM). O fato também será apurado internamente pela gestão do hospital.

A briga ocorreu na sexta-feira por volta da 15h00.

Veja a nota emitida pela Prefeitura de Cuiabá

A Empresa Cuiabana de Saúde Pública – ECSP, que administra o Hospital Municipal São Benedito esclarece:

– Dois médicos residentes em ortopedia desentenderam-se no dia 29/07, por volta das 15 horas, quando se preparavam para iniciar um procedimento cirúrgico ortopédico.  

– O fato não ocasionou prejuízos ao paciente. A cirurgia foi realizada com êxito, pelo médico ortopedista receptor e equipe.  -No momento do ocorrido os dois médicos residentes em ortopedia foram retirados do local. A Polícia Militar  foi acionada para atender a ocorrência.  

– A Empresa Cuiabana de Saúde Pública reitera que afastou imediatamente os profissionais envolvidos das atividades e está analisando juntamente com a Coordenação da Comissão de  Residência Médica – COREME as sanções a serem aplicadas. Ressalta ainda,  que o Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso – CRM/MT será comunicado.  

– É inverídica a informação que falta profissionais  cirurgiões e anestesistas na unidade. O quadro funcional do Hospital Municipal São Benedito está completo e supre toda a demanda de atendimentos.  

– A gestão reitera seu compromisso na presteza dos atendimentos e não admitirá  atitudes  que deixem em  em risco à vida do paciente. 

 

 

Por Gazeta Digital 

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS