Português Italian English Spanish

Chamado de melancia por rivais, Wellington diz que evoluiu à direita

Chamado de melancia por rivais, Wellington diz que evoluiu à direita


Senador hoje está próximo de Bolsonaro, mas já foi aliado de Lula e Dilma

Apontado pelos "bolsonaristas raízes" como político-melancia, uma forma de desqualificá-lo para a candidatura ao Senado com o apoio do presidente Jair Bolsonaro,  o presidente do PL em Mato Grosso, senador Wellington Fagundes, respondeu à crítica dizendo "evoluiu". Disse ainda que o próprio Bolsonaro confessou ter "evoluído" ao longo da vida pública, uma vez que já votou em candidato da esquerda.

A "pecha" de melancia vem sendo atribuída a Wellington por outros pré-candidatos ao Senado, como o presidente da Aprosoja Brasil, Antônio Galvan (PTB), que gravou um vídeo dizendo que o eleitor mato-grossense "saberá diferenciar um abacaxi de uma melancia nas urnas", e até o deputado federal Neri Geller (PP), de maneira mais tímida.

Rodinei Crescêncio

Wellington Cristiane Britto

Senador acompanhou a ministra de Direitos Humanos, Cristiane Britto, no lançamento do programa Qualifica Mulher em Mato Grosso nesta quinta na AL

A curiosa expressão da extrema direita hoje é utilizada para se referir a "falsos bolsonaristas", já que a melancia é verde por fora e vermelha por dentro e a cor vermelha é associada ao comunismo, ao PT e aos outros partidos de esquerda. 

Sem evitar entrar em confronto com os pretensos rivais, Wellington respondeu a imprensa dizendo que esteve em um evento do Banco do Brasil com Bolsonaro e ouviu o presidente dizer que "evoluiu", quando deixou a esquerda de se alinhou aos pensamentos de direita. Atualmente, no entanto, Jair Bolsonaro é filiado ao PL, partido de centro.

Assessoria

Wellington Qualifica Mulher AL

"Estive esses dias com o presidente Bolsonaro e ele mesmo falou que votou na esquerda e depois evoluiu. A História do Brasil é assim, é um país democrático, que tem os seus momentos. Eu respeito a todos e se o Galvan for candidato ele vai falar as suas ideias e eu as minhas. O voto é uma confiança que o eleitor deposita no político e a melhor forma de retribuir isso é o trabalho, e é isso que eu tenho feito", disse. 

Wellington é chamado de melancia porque ao longo dos últimos governo esteve ao lado de Dilma Rousseff e Lula, assim como está ao lado de Bolsonaro. A proximidade sempre foi muito menos por questão ideológica do que pela característica centrista de atuação tanto na Câmara Federal quanto no Senado. 

 

Renan Marcel e Patrícia Sanches

 

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS