Português Italian English Spanish

Integrantes de facção criminosa são denunciados por morte de vítima em frente à mãe

Integrantes de facção criminosa são denunciados por morte de vítima em frente à mãe


11/04/2022

Dois homens integrantes de facção criminosa em Mato Grosso foram indiciados por matar um outro rival em frente à mãe. A informação é da Polícia Civil, por meio de investigações da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A dupla já foi denunciada pelo Ministério Público Estadual. 

Um dos investigados teve mandados de prisão temporária e prisão preventiva cumpridos pela DHPP, e o segundo continua foragido. Nesta semana, nas investigações complementares, a equipe da DHPP deu cumprimento a buscas e apreensões em residências com a apreensão de uma caminhonete e celulares em posse de outros investigados.

O homicídio que vitimou Rogério Pinheiro de Paula, de 33 anos, ocorreu no dia 18 de setembro de 2021, em uma residência no bairro Cohab São Gonçalo, em Cuiabá. A vítima foi assassinada por integrante de uma facção criminosa, em frente a sua mãe, que chegou a implorar para que os criminosos não matassem seu filho. 

As investigações da DHPP, conduzidas pelo delegado Caio Fernando Alvares de Albuquerque, identificaram dois homens que atuaram na morte da vítima. A motivação seria uma desavença pelo fato de a vítima estar “enchendo o saco” da vizinhança com o barulho da sua moto. 

O Ministério Público Estadual denunciou os dois investigados apontados como autores do crime, com base no inquérito produzido e o Poder Judiciário acolheu a denúncia.

Investigações

Segundo as investigações, na madrugada de 18 de setembro, Rogério Pinheiro de Paula chegou a sua residência acelerando a motocicleta, como de costume, o que resultava em muito barulho, incomodando a esposa de seu vizinho que estava com criança pequena.

Durante a tarde, a vítima teve uma discussão com o vizinho, ocasião em que trocaram ameaças sobre quem ficaria no bairro. Por volta das 22 horas, uma caminhonete preta parou em frente à casa de Rogério, onde desceram os integrantes da facção criminosa, que conversaram com as duas partes envolvidas. 

Após um sinal do vizinho, os homens começaram a agredir a vítima com socos, chutes e pauladas. Durante as agressões, a vítima conseguiu pegar um facão e atingir um dos agressores e correr para casa da mãe. Na residência, a vítima foi alcançada pelos investigados, ocasião em que a mãe implorou pela vida do filho, segurando o braço do suspeito para que ele não atirasse.

Enquanto um dos autores executou a vítima com os disparos, o outro filmou a ação criminosa. Após o crime, eles entraram na caminhonete, ocupada por outros integrantes da facção, e fugiram do local. Cerca de dois meses antes, um dos investigados já havia ameaçado a vítima de morte. 

O vizinho envolvido na discussão não foi mais visto na região. O casal foi ouvido na DHPP e confirmou o desentendimento com a vítima, porém negou que tivesse comentado ou acionado alguém sobre os fatos. 

Nas investigações da DHPP foram identificados os dois criminosos, sendo o que executou a vítima em frente à própria mãe e o outro que filmou a ação criminosa. Diante dos fatos, foi representado pelos mandados de prisão em busca e apreensão dos suspeitos, que foram deferidos pela Justiça. 

A Polícia Civil ainda apura a participação de outros envolvidos no crime.

 

 

Da Redação

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS