Português Italian English Spanish

Forças de Segurança matam "soldados" de facção criminosa em Confresa

Forças de Segurança matam "soldados" de facção criminosa em Confresa


16/10/2020

Com mandados de prisões preventivas, temporárias e buscas e apreensões, as Forças de Segurança de Mato Grosso, formadas por policiais civis e militares, foram recebidas a bala, dentro de uma casa, e acabaram matando dois jovens "soldados" de facções criminosas ligadas ao Comando Vermelho (CV).

 

 

 

 

 

Um dos mortos tinha 24 anos e outro não teve a idade revelada.

Os dois foram mortos na manhã desta quarta-feira (14), dentro da "Operação Integrada de Ordem Pública", da  Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp).

A operação foi montada para combater e tentar diminuir a força do Comando Vermelho na região Noroeste de Mato Grosso.

Os dois rapazes estavam armados e enfrentaram os policiais dentro de uma casa, na cidade de Confresa (1.160 Km a Nordeste de Cuiabá).

A OPERAÇÃO - Equipes do Grupo de Operações Especiais (GOE), um grupo de elite da Polícia Civil, além de  agentes da própria Polícia Civil, foram até a casa dos acusados para cumprir mandado de busca e apreensão.

Um dos mortos foi flagrado perto de um carro, na garagem, com uma arma de fogo na mão.

A versão da Polícia é de que os investigadores pediram para que ele soltasse a arma e que colocasse as mãos na cabeça.

Só que o jovem não obedeceu e apontou em direção aos policiais, que revidaram, atirando contra nele.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros, que acompanha a operação, levou o rapaz ao hospital, mas ele não resistiu.

Outro "soldado" apontado pela Polícia como integrante do CV também trocou tiros, foi baleado e morto no local.

BUSCAS - Os policiais fizeram buscas na casa e encontraram uma porção de cocaína na cozinha.

No banheiro, policiais encontraram um revólver calibre 32 com seis munições.

Os policiais também encontraram e apreenderam vários celulares.

Alguns projéteis foram identificados em uma parede, e testemunhas relataram que ele praticavam "tiro ao alvo’ no local.

GUERRA AO TRÁFICO - O objetivo da operação é coibir a atuação de facções criminosas em Confresa, Vila Rica, Porto Alegre do Norte e outras cidades que compõem da região.

Policiais cumprem 12 mandados de prisão e dois de buscas e apreensões, nos bairros com maiores índices criminais.

Conforme já foi divulgado anteriormente pelo DIÁRIO, pelo menos 33 pontos de pichações de apologia ao crime serão pintados pelos servidores da Prefeitura de Confresa, com apoio dos servidores da Segurança Pública.

Equipes especializadas das polícias Civil e Militar atuarão em abordagens e qualificação de suspeitos nos mesmos bairros.

Já o Corpo de Bombeiros Militar e a Polícia Militar realizam a fiscalização de estabelecimentos e bares.

 

 

FONTE: Diário de Cuiabá

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS