Português Italian English Spanish

Servidor do Sistema Penitenciário que atuou em Água Boa é selecionado para atuar em órgão federal

Servidor do Sistema Penitenciário que atuou em Água Boa é selecionado para atuar em órgão federal


13/10/2020

O servidor do Sistema Penitenciário de Mato Grosso, Anderson Aparecido de Freitas, foi um dos selecionados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), vinculado ao Ministério de Justiça e Segurança Pública, para atuar no órgão federal. Ele contribuirá com a execução de políticas públicas de trabalho e renda de pessoas presas e egressas do Sistema Prisional.

Anderson participou de uma seleção com servidores do Sistema Penitenciário de todo o país, tendo como requisitos principais o currículo, a experiência em planejamento e execução de projetos na área específica de trabalho e renda para presos e egressos, promoção da cidadania no âmbito do sistema de justiça e garantia de direitos.

O servidor ficará 60 dias à disposição do Depen, participando da elaboração e acompanhamento das políticas que já são desenvolvidas pela Coordenação de Trabalho e Renda (COATR) do órgão. Além disso, Anderson também atuará na análise de novos projetos, no acompanhamento e assistência técnica dos convênios já existentes.

Para o secretário adjunto de Administração Penitenciária, Emanoel Flores, a iniciativa demonstra que Mato Grosso tem se destacado em âmbito nacional pelas políticas de reinserção social desenvolvidas nas 48 unidades penais do estado. Além disso, Flores acredita que essa é uma experiência de troca de informações entre servidores de todo país.

“A importância desse intercâmbio é aproximar Brasília dos Estados, trocar experiências acerca da realidade, dos avanços e do desenvolvimento de ações voltadas para o Sistema Penitenciário nos estados, bem como ganharmos no retorno um servidor mais qualificado”, pontuou o secretário.

Para o próprio servidor, que já teve a oportunidade de atuar como diretor de uma unidade, Mato Grosso tem muita experiência a compartilhar quando o assunto é ressocialização.

“O Sistema Penitenciário mato-grossense hoje é referência. Nós somos um dos melhores estados nessa área, seja na área de projetos, de trabalho extramuros, seja na questão de disciplina e segurança também. O Estado investiu muito na parte ostensiva e também sempre houve essa disposição para investir na área técnica, ligada aos projetos, para o aproveitamento de mão de obra do recuperando”, disse.

Experiência 

Anderson Freitas é formado em Administração pela Universidade do Estado de Tocantins. É servidor há sete anos, profissional de Nível Superior – Administrador, atualmente lotado na Gerência de Serviços.

Já atuou na Gerência de Apoio Administrativo e Penal da Penitenciária de Água Boa, mas foi como diretor da Cadeia Pública de São Félix do Araguaia, em 2016, que obteve experiência com atividades de ressocialização, como no caso das aulas de violão. Em 2017, a unidade chegou a ser apontada pela Corregedoria Geral de Justiça como uma das melhores do estado, título do qual Anderson se orgulha.

 

FONTE: mt.gov.br

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS