Português Italian English Spanish

Soldado atira na mão de ex após descobrir paternidade da filha da vítima

Soldado atira na mão de ex após descobrir paternidade da filha da vítima


08/10/2020

Um soldado da Polícia Militar atirou na mão da ex-namorada após descobrir a verdadeira paternidade da filha da vítima. O caso aconteceu no último sábado (03), no município de Santa Rita do Trivelato. 

Segundo informações do Boletim de Ocorrência, o ex-marido da vítima relatou que o policial ligou para ele dizendo que queria falar algo muito importante e marcaram um encontro na residência da vítima.

O militar chegou no local com um resultado de exame DNA e disse para o ex-marido da vítima que ele não era o pai da criança que ele havia registrado. Eles ligaram para mulher, que chegou na residência na companhia do atual namorado, que começou a discutir com o policial militar.

O soldado pediu para o atual da vítima “sumir”, mas o homem continuou caminhando para subir até o apartamento, dizendo que não tinha medo nenhum do militar. 

O suspeito efetuou um disparo para o lado do terreno para cessar a ação do atual, momento em que ex-marido da vítima tentou desarmar o soldado para evitar uma tragédia maior, ocasião que ocorreu o segundo disparo e já ouviram o grito de socorro da mulher, dizendo que havia sido atingida na mão. A vítima foi socorrida pelo ex-marido. 

A vítima relatou que estava namorando com o PM e que terminou o relacionamento há 15 dias. O militar não foi localizado no dia do fato. 
 
Em nota, a Polícia Militar informou que:

“O Comando do 26º Batalhão de Polícia Militar de Nova Mutum informa que afastou das atividades operacionais o soldado envolvido no crime de lesão corporal ocorrido no último sábado(03), na cidade de Santa Rita do Trivelato (441 km de Cuiabá), que teve como vítima uma mulher de 38 anos. Informa que o fato ocorreu no horário de folga do policial, portanto não se trata de crime militar. Todavia, já informou a Corregedoria Geral da PMMT sobre o ocorrido e a instauração de procedimento para apurar a conduta do policial em questão. O policial se apresentou no quartel da PM em Nova Mutum e em seguida foi apresentado pela autoridade militar na Delegacia da Polícia Civil, onde devem ser tomadas as providências na esfera criminal”.

 

 

Luzia Araújo

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS