Português Italian English Spanish

Epidemia desacelera em Confresa e incidência da Covid-19 aumenta em Querência

Epidemia desacelera em Confresa e incidência da Covid-19 aumenta em Querência


13/07/2020

Confresa (a 1.167 km de Cuiabá) tem apresentado resultados positivos após ter sido o primeiro município do estado a decretar lockdown (fechamento total) por causa do surto da Covid-19. Dos 349 infectados, 325 se curaram, alcançando a taxa de recuperação de 93%, uma das mais altas do Estado, na quarta-feira (8) e sem novos casos nas últimas 24 horas, conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde.

 

 

 

 

 

Para a secretária de Saúde de Confresa, Fernanda Perpétua, o bloqueio total das atividades foi um ‘divisor de águas’ na cidade. “O lockdown foi um marco porque, na verdade, as pessoas ficaram com medo. Após essa decisão rigorosa, percebemos uma mudança muito boa da população. Nós precisávamos da ajuda da população”, explica.

Ainda de acordo com a secretária, o tratamento preventivo da doença e a intensificação do monitoramento dos infectados são aliados da desaceleração da epidemia. “Os pacientes estão procurando atendimento médico logo no início dos sintomas e adotamos o mesmo protocolo de tratamento do Ministério da Saúde (MS) com azitromicina e ivermectina. Isso tem dado um bom resultado”, afirma Fernanda.

O índice de internação também diminuiu após a abertura de um ‘hospital de campanha’ em um prédio da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), a área foi transformada em um centro de atendimento para pacientes da Covid-19.

A unidade tem seis leitos de estabilização com respiradores e dez leitos clínicos com oxigênio. Conta ainda com equipe médica disponível 24 horas formada por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e demais profissionais. Exames laboratoriais são realizados na unidade e uma ambulância para transporte dos pacientes é disponibilizada.

Novo epicentro no Araguaia

As medidas adotadas em Confresa e que geraram resultados positivos podem ser norteadoras para outros municípios do Araguaia, como Querência. O aumento alarmante de casos da Covid-19 na cidade com mais de 17 mil habitantes tem preocupado as autoridades locais e do Estado.

De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde de Querência na quarta-feira (8), a cidade chegou a 304 casos de coronavírus e tem 187 recuperados e sete óbitos.

Querência tem uma taxa de 14 infectados para cada mil habitantes, conforme dados compilados da Secretaria Estadual de Saúde (SES) na segunda-feira (6). E constantemente aparece na lista de cidades com risco muito alto de contaminação pelo novo coronavírus. A classificação é feita pela SES-MT e, de acordo com a definição dos riscos, é preciso adotar medidas mais restritivas (lockdown) para o controle da propagação do vírus.

Desde a última quinta-feira (2), Querência implantou o toque de recolher, que inicia às 22 horas e encerra às 05 horas do dia seguinte, bem como o fechamento dos espaços públicos e multa para quem desrespeitar as determinações.

A prefeitura está elaborando um novo decreto junto aos integrantes da Comissão Municipal de Enfrentamento a Covid-19 com publicação prevista para esta sexta-feira (10).

 

 

FONTE: Semana 7

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

 

 

 

  

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS